Como escolher o terceiro elemento para o swing?

Chegou a tão desejada hora de praticar swing! Há algum nervosismo, mas muito entusiasmo e excitação. A prática de swing traz enormes benefícios para o casal, se praticado com o consentimento e vontade dos dois. Mas há pormenores que têm de ser definidos antes para que não surjam dúvidas, ciúmes ou constrangimentos na altura de escolher um casal ou terceiro elemento para o sexo a três.

Se decidiram optar por um ménage, saibam que têm à vossa espera uma experiência excitante e libertadora mas terão de ter em conta alguns aspectos para que tudo corra na perfeição. Confira:

Amigo, conhecido ou desconhecido?

Converse com o seu parceiro/a pois esta é uma decisão fundamental. Se há muito que falam sobre fazer sexo a três com aquele amigo ou amiga chegado, pensem bem nos prós e contras. Por um lado conhecem bem a pessoa e o sabem que se dão bem. Por outro, terão de ter a certeza que a pessoa quer o mesmo que vocês ou correm o risco de estragar a amizade, ou de as coisas não serem as mesmas a partir daí. Por outro lado mesmo que a pessoa aceite lembrem-se que correm o risco de ela contar a experiência a alguém, pelo que têm de colocar essa hipótese e concordar se têm algum problema com isso. Regra geral, optar por uma pessoa conhecida nunca é o ideal. Se não têm a certeza como a pessoa irá reagir, optem por um desconhecido ou alguém de um clube de swing por exemplo. Não se esqueçam que a pessoa irá ter intimidade consigo pelo que é importante conversarem um pouco antes  do sexo para se conhecerem melhor.

Mulher ou homem?

É fundamental conversarem sobre o terceiro elemento, e se este será uma mulher ou homem. Caso contrário cada um de vocês poderá ir com a ilusão oposta do género do terceiro elemento e gerar confusão ou briga na altura da decisão.Como escolher o terceiro elemento para o swing?

Não vão haver ciúmes?

Após decidirem se será uma mulher ou homem, lembrem-se que um de vocês se irá envolver com o elemento do sexo oposto. É também importante decidir se querem que exista envolvimento homossexual ou não, e se os dois se sentem à vontade com isso. Convém certificarem-se de que não haverão ciúmes nem a luta pelo tempo durante o qual estão a fazer sexo. É natural que o parceiro sinta um entusiasmo acrescido por se tratar de alguém novo, o que não põe em causa os sentimentos por si. Isto deve ir bem conversado antes de irem a um clube de swing. Não se esqueça de nunca deixar ninguém de parte. Vão variando e explorem possíveis cenários em casa para que vá tudo esclarecido à priori.

Troca implica “troca”

Aqui referimos-nos ao preservativo. Se vai fazer sexo com duas mulheres, troque sempre de preservativo sempre que trocar de parceira.

O terceiro elemento é apenas sexual

Por vezes o terceiro elemento acaba por ser “regular” fazendo parte da vida do casal por várias noites. Se começarem a existir sentimentos por parte de algum dos elementos do casal é imperativo parar com o contacto imediatamente ou podem colocar o vosso casamento em risco. Lembrem-se que na vossa cama/casa/vida só entram vocês e é fundamental que o terceiro elemento não faça parte da vossa vida no dia-a-dia.

About the author

Related

JOIN THE DISCUSSION